Unitecne é aprovada para o programa NEXOS

08 de maio de 19
1 / 1

A Incubadora de Empresas da Uniube (Unitecne) foi aprovada para o programa Nexos, que visa aproximar startups de médias e grandes empresas. O programa é uma iniciativa do Sebrae e da Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec), com apoio dos ambientes de inovação, e busca fomentar a geração de negócios e desenvolvimento de novas tecnologias.


A Unitecne foi aprovada no primeiro ciclo e, com isso, se torna credenciada pelo programa para implementação de projetos em parceria com as médias e grandes empresas participantes. A incubadora deve desenvolver trabalhos para solucionar problemas propostos pelas empresas que aderirem ao programa. Os projetos preveem financiamento de instrumentos de apoio à inovação, como a Lei de Informática, Lei do Bem, P&D ANEEL e P&D ANP.


Para a coordenadora da Unitecne, Dionir Andrade, essa conquista veio em momento certo. “Estamos muito felizes com essa seleção da incubadora para participar do Programa NEXOS como ambiente promotor de inovação, em especial neste ano de 2019 quando a Unitecne completa 20 anos de atuação dedicados às ações de inovação e empreendedorismo na Uniube. Uma longa caminhada com muitos bons frutos”, analisa a coordenadora.


A Unitecne


A Unitecne foi fundada na Uniube em 1999 e atua na universidade como uma incubadora de empresas. Ela possui um ambiente especialmente planejado que visa difundir o empreendedorismo e o conhecimento e apoiar projetos inovadores, por meio de serviços especializados e consultorias que facilitam o seu desenvolvimento, além de estimular a promoção e o fortalecimento de micro e pequenas empresas, por meio da intermediação com instituições de ensino e pesquisa, órgãos governamentais e iniciativa privada.